Magna

Eletrodos

Magna 403


CARACTERÍSTICAS:

Magna 403 é projetada para resistir à abrasão por tensão, tanto a extremamente alta quanto a baixa. Ela apresenta as seguintes características:

Combinação de boa tenacidade e resistência ao rompimento, resultante de uma matriz densa de austenite Super endurecida com cristais em forma de espinha de cromo e carbetos de titânio. Estes carbetos, extremamente duros, provêm resistência a estriamentos e à abrasão por alta tensão, e a matriz altamente revestida com a liga provê resistência à abrasão por baixa tensão e polimento. A matriz é tão dura que perdas de carbetos somente ocorrem após um período prolongado de desgaste.

Em alguns eletrodos comuns de superfície dura há pouca ou nenhuma proteção contra a precipitação de carbetos na zona de transição. Frequentemente, há pouco ou nenhum controle de penetração e há uma grande quantidade de diluição do metal soldado dentro da base metálica. Isto cria uma zona afetada pelo calor na interface do depósito resultante da migração do carbono e da rudeza dos grânulos. Existe um efeito de têmpera, o qual embora breve, pode frequentemente produzir a precipitação de carbetos e a instabilidade das áreas aquecidas a 400-700 C, particularmente em manutenção de peças de aço que foram severamente trabalhadas a frio. Peças fatigadas certamente sofreram trabalho a frio e uma transformação metalúrgica parcial poderia ter ocorrido nas camadas superficiais. O calor de entrada e a estrutura de depósito descontrolados das hastes comuns de superfície dura farão com que esta decomposição prossiga.

Rachaduras em zonas afetadas pelo calor são extremamente perigosas, uma vez que podem resultar no lascamento de todo um depósito. Rachaduras longitudinais são de ocorrência relativamente frequente com alguns eletrodos de superfície dura. Estas rachaduras são também muito perigosas, uma vez que não podem ser reparadas tão prontamente por trabalho a frio como podem as rachaduras transversais (rachaduras de resfriamentos), as quais também são comuns.

Magna 403 provê uma vantagem metalúrgica sobre a maioria dos eletrodos de superfície dura: os carbetos formados são balanceados e completamente estabilizados, e distribuem-se uniformemente por todo o depósito. A liga tem um mesmo dispersamente de carbetos, o que proporciona uma resistência uniforme ao desgaste. Alguns eletrodos de superfície dura baseados em formação de carbetos têm um dispersamento não uniforme dos carbetos, usualmente devido à sua precipitação. Isto propicia um desgaste prematuro em algumas áreas e logo a deterioração de toda a superfície da peça se inicia. Magna 403 emprega aditivos especiais e estabilizadores que controlam os carbetos e eliminam sua precipitação.

CARACTERÍSTICAS ESPECIAIS:

1. Alta taxa de deposição
2. Os depósitos são planos
3. Dureza de 55 a 60 Rockwell C, logo depois de aplicada
4. Penetra na superfície, o que evita sua diluição
5. De fácil aplicação, sem respingamentos, furinhos e fácil remoção das escórias.

PROCEDIMENTO DE APLICAÇÃO MAGNA– MAGNA 403

Prepare a base metálica limpando e desengraxando o máximo possível. Jateie com areia ou preencha a área de soldagem para conseguir uma superfície de trabalho plana.

Máquinas de soldagem de polaridade reversa AC ou DC podem ser usadas para aplicar a Magna 403. O eletrodo tem uma transferência de arco balanceada, rápida taxa de deposição e proporciona depósitos planos e limpos, livres de respingamentos e porosidade. É muito simples de aplicar e não requer nenhuma técnica ou procedimentos especiais.

Ao usar Magna 403 para revestir grandes áreas, é benéfico fazer passes iniciais, reparar com Magna 303 e em seguida fazer mais três passes com Magna 403. Para aplicações em ferro fundido, resultados ótimos serão conseguidos fazendo uma ampla cobertura básica de Magna 770 antes de aplicar a Magna 403

Amperagens Recomendadas

Métrico Polegadas Escala Ajuste
3.2 mm. 1/8 10 125 - 175 amps
4.0 mm. 5/32 8 175 - 250 amps
4.8 mm. 3/16 6 225 - 300 amps


Uma variedade de Aplicações de Revestimento com outras Ligas de Soldagem Magna

Revestimento resistente a impactos Magna 402
Junta de alta resistência com oxiacetileno Magna 33F
Aplicações de revestimento com soldagem a gás Magna 44
Revestimentos trabalháveis com máquinas Magna 405